quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Direitos do consumidor nos planos de saúde

Operadoras de planos de saúde vendem seus serviços prometendo sentimento de segurança. Assim, quando o consumidor precisar de atendimento ambulatorial ou hospitalar poderá fazê-lo sem depender de saúde pública, tampouco de gastos excessivos.
Entretanto, se existe uma área em que os consumidores são (ou ficam) especialmente fragilizados é na sua saúde ou de seus familiares.Quando se está diante da necessidade de uma cirurgia, exame ou outro procedimento médico, já se está apreensivo, sensibilizado e, justo nesse momento, chega a notícia de negativa de cobertura... Lamentável a postura de operadoras que assim agem!
Ainda bem que o Judiciário pacificou entendimento de que o Código de Defesa do Consumidor se aplica aos planos de saúde e, dessa forma, garante o cumprimento da oferta pelos planos com real e efetivo atendimento à saúde, como liberação de cirurgias, exames e outros procedimentos médicos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Grato pela contribuição. Flávio