terça-feira, 18 de agosto de 2009

Lojas MARISA condenada por danos morais


O desembargador Ernani Klauser, da 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio, manteve a decisão da primeira instância que condenou a rede de Lojas Marisa ao pagamento de R$ 6 mil de indenização a título de danos morais. O motivo foi a inclusão indevida do nome de um consumidor nos cadastros restritivos de crédito.

O autor da ação, Arthur dos Santos, descobriu que estava com o nome sujo quando tentou realizar uma compra a crédito em um estabelecimento comercial. De acordo com o consumidor, ele nunca estabeleceu vínculo de consumo com a rede de lojas e foi vítima de estelionatários.

Segundo a decisão de primeira instância, a empresa ré não se interessou em produzir provas que contestassem a afirmação do autor, já que não apresentou nem os documentos que teriam embasado a contratação dos serviços de crédito.

Nº do processo: 2009.001.36919

Fonte: TJ/RJ

Um comentário:

  1. se todas as pesoas que fossem lesadas neste;aspequito procurasem seus direitos muitas outras nao ficarian,empune. pois O ser humano tem total direito de escolha.

    ResponderExcluir

Grato pela contribuição. Flávio